Thursday, February 12, 2015

CRUZEIROS do Paquete FUNCHAL para 2015 cancelados

Lisboa, 12 de Fevereiro de 2015: O programa de cruzeiros do Paquete FUNCHAL para o ano de 2015 foi hoje anulado na sua totalidade pela empresa proprietária Pearl Cruises. 
Em declaração ao "Blogue dos Navios e do Mar", o Armador do navio, Dr. Rui Alegre, referiu que "a empresa não conseguiu reunir as condições para garantir a operação dos cruzeiros desta época (de 2015). Vamos a partir de agora por o navio em "lay up", garantido o seu bom cuidado, e procurar um cliente de longo prazo para afretar o navio. Esperamos encontrar este fretador para breve para que o FUNCHAL volte aos mares..."
O Paquete FUNCHAL encontra-se atracado ao cais da Rocha do Conde Óbidos desde 2 de Janeiro último, data em que concluiu, com grande sucesso, o cruzeiro de Ano Novo à Madeira e ao Porto Santo. Em 54 anos de história diversa e ilustre, o FUNCHAL foi sempre um navio muito especial, chamando a atenção de todos com a sua presença elegante e encantando milhares de passageiros e centenas de tripulantes com uma "alma" difícil de encontrar noutros navios de passageiros actuais. Com os anos o Paquete FUNCHAL tornou-se um navio único, um iate de luxo, uma espécie de património marítimo da humanidade, preservando tradições e qualidades impossíveis de apreciar sem ser olhando, sentindo e viajando no nosso FUNCHAL. Infelizmente, apesar de todos os esforços e dedicação da companhia operadora Portuscale Cruises no sentido de dotar Portugal de um navio de cruzeiros próprio, o mercado mostrou não merecer o navio. Pela nossa parte desejamos que o dia de hoje seja apenas mais uma data na longa história do último dos paquetes tradicionais portugueses, e que seja rapidamente encontrada uma solução que possibilite ao FUNCHAL voltar a encarar o futuro com dignidade e sucesso.
Texto e imagens /Text and images copyright L.M.Correia. Favor não piratear. Respeite o meu trabalho / No piracy, please. For other posts and images, check our archive at the right column of the main page. Click on the photos to see them enlarged. Thanks for your visit and comments. Luís Miguel Correia

13 comments:

Luis Martins said...

Lá se vai o meu primeiro cruzeiro...

CAP CRÉUS said...

Acabou! :-(

Luis Miguel Correia said...

Cap Creus,

Não acabou nada, o navio está em excelentes condiçoes, precisa apenas de alguma manutenção programada, e a ideia parece ser voltar a operar o FUNCHAL em moldes semelhantes aos do tempo da CTM, quando o navio era operado em Portugal e no Brasil fretado à Agencia Abreu e a outros operadores...

Anonymous said...

Sem emotividade barata e pieguice à portuguesa, é triste a situação e vamos esperar uma luzinha, mas tenham em consideração que Hoje estamos numa economia global,onde os grandes dominam e as hipoteses dos pequenos outsiders são minimas. Alem disso, ja o afirmei juntamente com os meus antigos companheiros de cerca de quarenta anos a bordo da ex "grande" marinha mercante nacional, navios antigos, mesmo clássicos, luxuosos, históricos, etc. etc são postos de lado.Afirmar o contrario é construir castelos no ar e temos visto tantos.

Anonymous said...

Nesta companhia existem 3 grandes problemas:
- o tipo de pessoas que na empresa trabalham, pouco ou nada percebem de navios;
- o publico alvo mudou e ninguem se apercebe que os passageiros repetentes já faleceram ou estão em lares de repouso;
- o péssimo modelo de gestão que tem vindo a ser aplicado.(desde do tempo do antigo propriatário)

Anonymous said...

Parece que as "excelentes condições" são alusivas à parte de hotel do navio, mas o que ninguem comenta é a desgraça que está aquelas MPP

Luis Miguel Correia said...

Caro Anonimo amigo do FUNCHAL,

Que pena não assinar por baixo o que diz. Também sei muita coisa, mas o que me interessa e preocupa é o navio, e o FUNCHAL está integrado numa determinada realidade, não é meu nem tenho meios para alterar a sua sina. Também sei que as MPP têm falta de manutenção, e mais, estão velhas, eram protótipos quando foram vendidas à Insulana em 1972 pela Werkspoor, vendidas baratas, que o navio esteve para ir fazer a reparação a Copenhaga e meter máquinas B&W possivelmente melhores, mais testadas, mas mais caras. E como na época a Insulana se queria desfazer do FUNCHAL, a remendisse da remotorização era para 5 anos, optou-se pelas máquinas holandesas, que alias deram muitos problemas em especial nos anos da CTM, em parte por falta de manutenção adequada, em parte por no princípio se querer com 10.000 BHP tirar o mesmo rendimento da instalação anterior a vapor com 14.000 SHP, claro que de vez em quando se partiam as máquinas. Depois nos anos da Arcália houve mais sensatez na condução e manutenção das MPP, e mais importante, havia sobresselentes quando eram necessários, o armador não queria nunca que o navio parasse por problemas com as máquinas. Nessa fase, problemas graves só me lembro já perto do final, da avaria no Mar Vermelho a caminho da Australia depois da reparação no Pireu em que as máquinas terão sido "sabotadas".
Se voltar cá, deixe o seu nome, é semre bom saber com quem falamos. Cumprimentos do

Luís Miguel Correia

Luisa Meirelles said...

Fiquei surpresa e cheia de pena ao ler esta notícia ! Este ano já tinha planos para fazer um novo Cruzeiro, neste Navio que, tão boas lembranças me deixou, quando aos uns anos naveguei nele! Estou triste. Fui muito feliz nessa Viagem. Além disso, gosto de Navios com essa dimençaõ. Os GRANDES, não me seduzem.
No Funchal, parecíamos uma família grande.Estou chocada com esta decisão...Só espero que " ALGUÉM " volte a pô-lo a navegar de novo. VIVA O FUNCHAL !!!!

Anonymous said...

Tenho muita pena que o Funchal esteja de novo à espera de melhores dias!Soube da novidade através do artigo no Expresso de 28 de Fev.

Também eu estava a planear uma viagem em 2015 com a minha Tia, que por sinal, é repetente, adora viajar, tem 90 anos e nao está num lar de idosos!
Também ela ficou muito desapontada!

Esperemos que consigam dar nova vida ao Funchal.
Saudades da AnaMar

Porfírio said...

Esperava este desenlace.
Infeliz, mas realisticamente, que outra coisa era de esperar, face à desenfreada concorrência dos demais navios e demais companhias, que oferecem condições bem mais modernas e atraentes?
O charme do Funchal não é tudo....
Sou dos "repetentes" do Funchal, mas reconheço que dificilmente terá hipóteses...

ricardo said...

E uma pena ver um navio com tanta historia atracado agora no cais da antiga Lisnave
Rsperemos por melhores dias

Anonymous said...

Esperemos que volte rapidamente.
Os meus cruzeiros no Funchal foram sempre excelentes e contava (melhor conto) voltar em breve.
É sem dúvida o meu navio de cruzeiros preferido
João Carlos Pereira

VERA CAVACO said...

as modernisses tambem nao sao tudo...á gostos para tudo..á quem adore ferraris novos e á quem seja louco por porshes dos anos 20...pelo que eu vejo atualmente muita gente estava determinada a ingressar neste navio em viagens por isso nao é por o charme ou modernisses isto é tudo um negocio que possivelmente nao iria ser rentavel para alguem...dai ser cancelado..hoje tudo no mundo serve para negocio n interessa se morre gente ...a minha opiniao é que nao iria ser rentavel....desgraças estamos nos fartos e ninguem se interessa temos o caso das pontes que estavam em degradaçao so quando caiu uma e morreu montes de gente é que se fez algumas...poucas obras so para o ingles ver como se diz...isto faz tudo parte de um ciclo vicioso....alguem enche os bolsos a conta de muita gente...mas tem que ser rentavel senao cancela-se tudo...temos uma boa escola de professores...temos o melhor aluno e professor em evora na prisao mas ficam sempre la outros...e vem tudo daí...quando alguem estiver a encher bem os bolsos o funchal da a volta ao mundo 100 vezes...abraços pedro fernandes..pessoalmente tenho pena que eu gostava de trabalhar la