Friday, September 07, 2012

Aventuras e desventuras de uma Princesa dos Mares

A crise, essa figura hedionda que persegue Portugal e os Portugueses piegas de forma inexorável, não parece poupar os navios e o mar.
Pelo menos não poupou uma bela princesa dos mares denominada PRINCESS DANAE. Primeiro foi em Dublin, um arresto de uma empresa de combustíveis italiana a reclamar uma conta de abastecimento nos antípodas com um segmento por liquidar. A conta foi paga de imediato e o PRINCESS DANAE lá seguiu para La Rochelle aliviado. Visitou depois a Corunha e Leixões sem novidades especiais, mas entretanto o incidente de Dublin foi propalado pela agência noticiosa Lusa, o que terá dado ideias a outro credor, desta vez um fornecedor de navios da Península de Setúbal de ascendência escandinava. Assim que o DANAE atracou em Lisboa, novo arresto com ele e logo a divida foi paga. Só que um navio que encalhe nas malhas da justiça portuguesa, é um caso sério para se safar. Chegou a hora da partida, pelas 16 horas, piloto e rebocador a postos, mas nada de desembaraço do navio. Faltava um papelinho e entretanto o tribunal já estava fechado. O paquete esperou, esperou até que de tanto aguardar desembarcou o piloto e mandou regressar um rebocador SAFADO verde e paciente. Os turistas nos tombadilhos do navio apreciavam Alfama a entardecer na ignorância da cegueira da justiça indígena. Cega, lerdinha e indiferente à imobilização de um paquete cheio de passageiros impacientes para se porem ao largo. Não chegou o desembaraço e o DANAE pernoitou em Santa Apolónia a retemperar forças para mais um dia de stress sai não sei, larga que larga, até que pelas 18 horas de 6 de Setembro, 26 horas depois do previsto o navio deixou o Tejo e, triste e envergonhado, fez-se  ao mar, rumando directamente a Marselha, que a visita a Cádis havia entretanto sido cancelada.

Texto e imagens /Text and images copyright L.M.Correia. Favor não piratear. Respeite o meu trabalho / No piracy, please. For other posts and images, check our archive at the right column of the main page. Click on the photos to see them enlarged. Thanks for your visit and comments. Luís Miguel Correia
Post a Comment