Friday, February 15, 2013

O rebocador ÁTOMO

Construído - e bem - nos estaleiros de Viana do Castelo, em 1965, o rebocador ÁTOMO foi durante os seus primeiros anos o mais moderno e mais potente rebocador dos que operavam no Porto de Lisboa. Foi um dos rebocadores de bordo dos quais mais vezes fotografei os navios no meio do Tejo, tanto em manobras de atracação, à chegada, como à largada. Procurava sempre que possível embarcar no rebocador que estabelecia o cabo à proa, e tenho muitas fotografias tiradas de bordo dete belo rebocador. Era mestre do ÁTOMO o mestre Xico Zé, da Moita, que me convidava muitas vezes para almoçar a bordo e partilhar os petiscos da tripulação, muitas vezes havia um tacho único do qual todos se serviam com o auxílio de fatias de pão. Bons tempos. O ÁTOMO manteve-se no Tejo sempre a operar até ao fim da Sociedade Cooperativa dos Catraeiros do Porto de Lisboa, no início deste século XXI. Acabou desmantelado em Alhos Vedros.
Texto e imagens /Text and images copyright L.M.Correia. Favor não piratear. Respeite o meu trabalho / No piracy, please. For other posts and images, check our archive at the right column of the main page. Click on the photos to see them enlarged. Thanks for your visit and comments. Luís Miguel Correia
Post a Comment