Saturday, October 12, 2013

Batelão WILLI S partido ao meio entrou em Lisboa


Na passada Quinta-feira, dia 10 de Outubro de 2013, o rebocador holandês WEST (IMO No. 9434876) navegava ao largo da costa portuguesa, próximo de Lisboa, com um batelão-tanque - o WILLI S (IMO No. 2224341), que está registado em Belize (um dos registos internacionais "mais" prestigiados), quando este se partiu em duas secções. 
O rebocador e o rebocado navegavam de Amesterdão para Lagos, na Nigéria, mas a viagem acabou em Lisboa, com o apoio de dois rebocadores da Lutamar e o rebocador e as duas secções separadas do batelão estão atracados no cais de aprestamento da Navalrocha. Provavelmente irão para Alhos Vedros para desmantelar. 
De referir que este batelão WILLI S é muito parecido com o antigo batelão-tanque AGRAN, da Sacor Marítima.

Cá para nós que ninguém nos ouve, não devia ser permitido a Europa vender navios e ou embarcações em estado de sucata para continuarem a operar no terceiro mundo. Se este batelão chegasse à Nigeria, ia com certeza partir-se carregado de produtos petrolíferos, com dano para o ambiente.
Texto e imagens /Text and images copyright L.M.Correia. Favor não piratear. Respeite o meu trabalho / No piracy, please. For other posts and images, check our archive at the right column of the main page. Click on the photos to see them enlarged. Thanks for your visit and comments. Luís Miguel Correia





Post a Comment