Wednesday, December 31, 2014

Comandantes Passos de Gouveia e Cristiano de Sousa


Rebocador CTE PASSOS DE GOUVEIA e lancha CTE CRISTIANO DE SOUSA, fotografados de bordo do Paquete FUNCHAL no Porto Santo, que a 30 de Dezembro de 2014 registou a presença de dois navios de passageiros, ambos portugueses: o FUNCHAL, em viagem de cruzeiro de Fim de Ano, de Lisboa para o Funchal, e o LOBO MARINHO, na sua viagem habitual inter-ilhas.
Os nomes das duas unidades apresentadas nesta imagem têm grande significado na história marítima da Madeira do século XX. O rebocador, uma das modernas unidades construídas em Espanha propositadamente para os Portos da Madeira, homenageia o Capitão da Marinha Mercante madeirense Simplício Passos de Gouveia, figura lendária que se notabilizou como Piloto do Porto do Funchal, grande oficial da Marinha Mercante e homem de muitas iniciativas: promoveu a caça à baleia, numa época em que tal era aceite como actividade económica importante, foi um grande Piloto e exerceu a nobre arte de navegar como poucos. No dia 25 de Abril de 1974, encontrava-se em Lisboa, de partida, como comandante do navio de passageiros PIRATA AZUL, acabado de adquirir à Companhia Nacional de Navegação por um armador do Funchal para melhorar as ligações entre o Funchal e o Porto Santo quando o vazio de poder se traduziu na falta de desembaraço do navio por parte da Capitania do porto de Lisboa, o que não impediu Passos de Gouveia de mandar largar os cabos de amarração, mesmo sem papéis, e seguir viagem. Semanas mais tarde, conduziu para o Porto Santo os presidentes depostos Américo Tomás e Caetano, onde embarcaram num avião para o Brasil. Mais tarde, já com cerca de 70 anos, enviuvou e partiu para os Estados Unidos, refez a vida em New Bedford, incluindo nova mulher e uma filha, criou a empresa Portuguese American Export Lines, e comandou os dois navios de carga PAULINE MARIE e PAULINE MARIE II (ex-IMPARMA PROGRESS) em viagens sucessivas dos EUA para os Açores, Lisboa e Funchal, ainda navegando no Atlântico Norte com cerca de 90 anos. Muito mais haverá que contar sobre este personagem tão especial, gostava de ter mais informações biográficas...
A lancha de pilotos foi a primeira lancha moderna existente em Portugal, construída em Inglaterra para servir a navegação no Funchal por volta de 1970, e o seu nome homenageia um oficial da marinha de guerra de origem madeirense que durante longos anos exerceu o cargo de Governador do Arquipélago, no período do Estado Novo. A CTE CRISTIANO DE SOUSA está actualmente baseada no Porto Santo depois de muitos a servir a pilotagem no Funchal e Caniçal.
Texto e imagens /Text and images copyright L.M.Correia. Favor não piratear. Respeite o meu trabalho / No piracy, please. For other posts and images, check our archive at the right column of the main page. Click on the photos to see them enlarged. Thanks for your visit and comments. Luís Miguel Correia
Post a Comment