Tuesday, June 09, 2015

Paquete FUNCHAL revisitado

O "meu" FUNCHAL revisitado no seu actual exílio na Margueira, a 1 de Junho de 2015, em romagem de solidariedade com um navio a aguardar uma nova solução de futuro digno e sustentável e cuja imobilização se traduz num desperdício intolerável.
Temos todos que reinventar uma nova vida para o FUNCHAL, porque ter o navio assim parado e cada dia que passa mais esquecido não é solução para nada e corre-se o risco de dar mais um trunfo simbólico a essa desmaritimização cobarde e estúpida que nos tem levado ao zero marítimo que não merecemos nem queremos, mas contra o qual poucos parecem lutar. 
É preciso dar uma nova vida ao FUNCHAL quanto antes. Há por aí mil maneiras de fazer o navio regressar ao serviço, vamos todos puxar pela cabeça e começar por negar a indiferença a que o nosso belo último Paquete parece votado, visto ao longe desde a Ribeira das Naus atracado na Outra Banda a um cais fantasma de um estaleiro morto. 
O FUNCHAL tem de ser assumido como um rosto perene da vocação de PORTUGAL face ao MAR. Essa vocação e a nossa relação tão propalada (quase sempre de forma estéril) com o MAR passa obrigatoriamente por termos navios, por sabermos operar navios, por termos de novo alguma ambição em espalhar a bandeira portuguesa pelos mares e o FUNCHAL é a inspiração perfeita para Portugal se relançar no mar. De que estamos à espera?
Fotografias tiradas a bordo do Paquete FUNCHAL a 1 de Junho de 2015 na Margueira, aqui publicadas como postais portadores de um abraço especial ao navio, ao seu Comandante, Filipe Sousa, aos 23 tripulantes que a bordo continuam a zelar pelo FUNCHAL e ao Armador Rui Alegre com votos de renovada inspiração e vontade de voltar a operar o FUNCHAL.

 






Texto e imagens /Text and images copyright L.M.Correia. Favor não piratear. Respeite o meu trabalho / No piracy, please. For other posts and images, check our archive at the right column of the main page. Click on the photos to see them enlarged. Thanks for your visit and comments. Luís Miguel Correia

4 comments:

Digital said...

Boa noite.

Gostaria de mostrar o paquete Funchal à minha esposa, que não o conhece por dentro.

Até porque ela nunca entrou num paquete, e este é nosso ! Ainda.......

Não me importava, se necessário, de pagar para o ver. Será possível ?

Obrigado pela atenção.

C. Silva

Meu E-mail: Digitalpoint001@gmail.com

CAP CRÉUS said...

Será que as agências de viagens andarão a fazer o possivel para arranjar destinos e passageiros?
Podem ser destinos próximos. Madeira, Açores, Canárias, Marrocos no limite.
Preços convidativos, campanhas...Sei lá.
Vejo este desgraçado e penso no Ponta Delgada que tinha tanto para dar ainda.
Trampa de país e de decisores politicos.

Luis Miguel Correia said...

Caro Cap Creus,

As agencias de viagens contribuiram muito para que o FUNCHAL esteja na Margueira actualmente. Em muitas delas, quando um cliente pedia um cruzeiro no FUNCHAL sugeriam e insistiam noutros navios...

CAP CRÉUS said...

AHHH! Disso não sabia.
Muito bom. Portanto, mais do mesmo.
Tanta ignorância...
Coitado dele!