Tuesday, June 07, 2016

Ponte-caís da infâmia


Em 1974 o governo francês resolveu cortar o subsídio atribuído ao paquete FRANCE e este foi imobilizado durante cinco anos num cais esquecido nos confins do porto de Le Havre, que ficou conhecido como o cais do esquecimento - le quay de l'obli. Claro que depois um norueguês atrevido resolveu resgatar o FRANCE em 1979 e ainda por cima teve a desfaçatez de o levar a reboque para a Alemanha onde o grande transatlântico foi transformado no navio de cruzeiros NORWAY. Os franceses ainda hoje se sentem desconfortáveis com a perda do FRANCE e sonham com um novo.
Na nossa Lisboa de cais vazios de Junho de 2016, a vetusta ponte-cais da Matinha está a transformar-se, não num caís do esquecimento, mas de infâmia, que é o que sugere a imagem triste dos paquetes PORTO e FUNCHAL imobilizados para venda, já em saldo, sem que haja alguma alminha nacional que olhe para eles e se inspire e lhes dê vida de novo. Uma infâmia.
Fotografias de 2 de Junho de 2016 registadas por Luís Miguel Correia no Tejo.

Texto e imagens /Text and images copyright L.M.Correia. Favor não piratear. Respeite o meu trabalho / No piracy, please. For other posts and images, check our archive at the right column of the main page. Click on the photos to see them enlarged. Thanks for your visit and comments. Luís Miguel Correia
Post a Comment