Tuesday, August 21, 2012

PICO CASTELO em Lisboa em 1998

Com o desaparecimento infeliz das grandes companhias de navegação portuguesas do século XX, a Empresa de Navegação, do Funchal, passou a ser a nossa mais antiga armadora da marinha mercante. A sua história remonta a 1907 quando foi adquirido o primeiro de diversos navios de vela para a carreira Funchal - Continente e a tradição renova-se 105 anos depois com modernos porta-contentores a fazer as carreiras do Continente e dos Açores e um belíssimo navio de passageiros a assegurar a carreira do Porto Santo. Tal como no passado estes navios são propriedade de empresas diversas, todas integradas no Grupo Sousa, com sede no Funchal, cuja raiz é precisamente a velha Empresa de Navegação Madeirense.
Ao longo destes 105 anos a Madeirense e empresas associadas foram armadoras de cerca de 30 navios, um dos quais foi o navio de carga PICO CASTELO, um navio de origem dinamarquesa que vemos aqui na fase final de uma curta carreira atracado ao estaleiro da Lisnave-Rocha (mais precisamente ao "Cais das Carreiras") depois de uma explosão na casa das máquinas ter dado por finda a vida operacional deste navio. O casco vermelho veio com o navio da Dinamarca e da empresa Lauritzen. Reparem que a zona das carreiras de construção de navios no estaleiro ainda apresentam os guindastes Mague, entretanto desmantelados, o que contribuiu para tornar menos marítima esta zona da Rocha do Conde de Óbidos a Santos. Para conhecer em pormenor a história deste navio e dos restantes navios da Madeirense, sugerimos a consulta do livro EMPRESA DE NAVEGAÇÃO MADEIRENSE 1907-2007, de Luís Miguel Correia, que pode ser visto aqui.http://lmc-ein.blogspot.pt/..
Texto e imagens /Text and images copyright L.M.Correia. Favor não piratear. Respeite o meu trabalho / No piracy, please. For other posts and images, check our archive at the right column of the main page. Click on the photos to see them enlarged. Thanks for your visit and comments. Luís Miguel Correia
Post a Comment