Sunday, May 18, 2014

DAPHNE a caminho da sucata

O navio de cruzeiros PRINCESS DAPHNE, último navio de passageiros ligado ao ramo lisboeta da Família Potamianos, largou ontem, dia 17 de Maio de 2014, de Souda Bay, na ilha de Creta, com destino a Port Said e a sucata no subcontinente indiano. 
O navio estava imobilizado em Creta desde Outubro de 2012, quando a frota da Classic International Cruises foi arrestada em diversos portos do Mediterraneo.
O navio mudou de bandeira, de Portugal para Kitts e Nevis e voltou a chamar-se DAPNHE propositadamente para esta derradeira viagem sem regresso. Foi construido em Newcastle em 1955 para a companhia Port Line com o nome PORT SYDNEY e reconstruído na Grécia em 1973-75. Integrou a frota da Classic International Cruises em 2008, tendo sido o último navio comprado por Georgios Potamianos, que faleceu em Maio de 2012. A sua empresa e os seus últimos cinco navios não sobreviveram por muitomais  tempo, como acontece tantas vezes com armadores gregos: a geração seguinte não consegue dar continuidade à obra do fundador, e a Classic International Cruises não teve destino diferente. Fotografia do DAPHNE tirada de bordo do ATHENA em Tanger a 14 de Setembro de 2010, quando os dois navios navegaram em cruzeiros fazendo escalas consecutivas nos mesmos portos durante diversos dias.
O  Texto e imagens /Text and images copyright L.M.Correia. Favor não piratear. Respeite o meu trabalho / No piracy, please. For other posts and images, check our archive at the right column of the main page. Click on the photos to see them enlarged. Thanks for your visit and comments. Luís Miguel Correia

4 comments:

Bruno Rodrigues said...

Resta saber se o Lisboa e o Porto não terão destino semelhante, dados os rumores que correm sobre preocupantes avarias...

Rui Erasto Ferreira said...

Então mas o Porto, não estava a espera de Afretamento? O Lisboa é que realmente não se vê grande trabalho no lado de fora...

Luis Miguel Correia said...

Caro Bruno Rodrigues,

O fim um dia é das poucas certezas, tanto para os navios quanto para nós. Quanto aos paquetes LISBOA e PORTO espero que esse acontecimento ainda demore muito tempo a ter concretização.

Luis Miguel Correia said...

Caro Rui Ferreira,

Sim o PORTO está a aguardar operação comercial. O LISBOA aguarda conclusão da modernização iniciada em 2013 e suspensa em Janeiro deste ano. Os trabalhos estão muito adiantados, com as intervenções mais onerosas, a nível estrutural nomeadamente substituição de aço, completadas, faltando concluir a renovação de camarotes e espaços públicos.
Em termos de exterior, o que neste momento dá mau aspecto ao navio é a chaminé, pois o casco e as super estruturas foram pintadas em Janeiro e estão relativamente bem conservadas.