Thursday, September 01, 2016

Segunda escala do ASTORIA no Porto de Lisboa

O navio de cruzeiros ASTORIA fez ontem a segunda escala em Lisboa, desde que em Fevereiro último alterou o nome, de AZORES para a actual designação, por vontade do afretador CMV. 
O ASTORIA atracou a Santa Apolónia ao amanhecer e aqui ficam alguns registos. Depois houve troca de comandantes, desembarcou Filipe Sousa após 6 meses e foi substituído por António Morais, ambos veteranos da antiga Classic International Cruises e da Portuscale.
O ASTORIA / AZORES é actualmente o único navio de cruzeiros de propriedade portuguesa a fazer cruzeiros oceanicos. A propriedade é portuguesa (Montepio), mas o navio está fretado à companhia grega Global Maritime, a operação comercial é da Cruise & Maritime Voyages, de Inglaterra e a presente operação de cruzeiros é, desde Maio, da responsabilidade do operador de viagens francês Rivages du Monde, embora neste cruzeiro especifico o paquete esteja sub-afretado à companhia francesa Michel Voyages.







 

O ASTORIA  é um veterano na sua ligação com Lisboa que começou na década de 1950 quando cá esteve as primeiras vezes com o nome original - foi o STOCKHOLM da Swedish American Line de 1948 a 1960 - e depois até 1984, como VOLKERFREUNDSCHAFT, da Alemanha Oriental. Depois de reconstruído em 1994 em Itália, voltou a Lisboa muitas vezes como ITALIA PRIMA, e inclusive, com este nome foi um dos três paquetes afretados para servirem de hotéis flutuantes, por ocasião da EXPO 98. 

Em 2004 voltou ao Tejo como CARIBE, acabado de comprar pelo saudoso armador George P. Potamianos, que o integrou na frota da Classic International Cruises em 2005 com o nome ATHENA. O resto da história é mais conhecida. Em 2013 o navio foi comprado pela Portuscale Cruises de Rui Alegre, passando a chamar-se AZORES em 2013. 
O ASTORIA fotografado à largada de Lisboa com a chaminé da Rivages du Monde, a 31 de Agosto de 2016


Presentemente o ASTORIA está fretado ao estrangeiro até Outubro de 2015, mas os proprietários portugueses pretendem vender o navio, assim como os paquetes FUNCHAL e PORTO, estes imobilizados em Lisboa, desde 2015 e 2013, respectivamente.
Alguns dos meus melhores cruzeiros foram realizados no ATHENA, pelo que foi bom ontem voltar a bordo e registar novas imagens, algumas das quais se partilham agora. 
Internamente, a decoração é na globalidade a de 1994, em estilo italiano dos anos 1990. com pequenas alterações mais recentes, nomeadamente a redecoração da biblioteca e sala de fumo feita no tempo da Portuscale.
Muitas outras deste navio podem ser revistas neste blogue aqui, aqui, não esquecendo a fase alemã aqui e o seu aspecto original aqui...
Texto e imagens /Text and images copyright L.M.Correia. Favor não piratear. Respeite o meu trabalho / No piracy, please. For other posts and images, check our archive at the right column of the main page. Click on the photos to see them enlarged. Thanks for your visit and comments. Luís Miguel Correia
Post a Comment